segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Unrelenting Force

É um Thu'um - Shout - um feitiço formado na língua dos Dragões, no jogo The Elder Scrolls V: Skyrim...
Sinto-me como se me tivessem gritado as palavras Fus Ro Dah! Esta é a sua forma mais poderosa, e deita os inimigos ao chão, empurrando-os para longe e causando-lhes algum dano. E sim, sinto-me assim... Derrotado... Tento escrever e não escrevo para ninguém, tento escrever e as palavras já... Já não têm significado... Para mim têm, bastante. Mas quem dá o significado, ou o tira, ás palavras, não sou eu, mas sim aqueles a quem elas são dirigidas... E se a única coisa que me restam são as palavras para poder expressar o que sinto, porque hei-de perder até isso?

Não sei... Já não digo coisa com coisa, porque me sinto derrotado e... Já não sei. Estou desamparado, perdido... Já estive irritado, também... Não por causa dele, mas por causa da distância que nos separa que me impede de proferir palavras e formar gestos que algum significado tenham e... E não sei, abala-me saber que já nem para ele as minhas palavras significam alguma coisa... 

e como se tal não bastasse, sou atingido por erros, erros de coisas que eu nem consigo controlar (coisas como os sonhos), e que para mim tiveram um significado, mas pessoas alheias decidiram distorcer e analisar o sonho para si mesmas, como se a minha mente fosse uma imagem retorcida da pessoa que realmente quero ser. Não serve de nada dizer que senti nojo de mim mesmo, por estar a reviver de novo aqueles momentos em sonho. Para gente alheia, eu sentia desejo daquilo. Sim, daquilo que destruiu grande parte de mim. É completamente lógico imaginar que relembro com terrível saudade e desejo algo que me fez arrepender-me redondamente, e olhar para o meu próprio corpo com desprezo, náusea e repugnância, por não me sentir bem dentro daquela prisão suja e decadente. Sim, foi exatamente isso, sonhei com isso, não porque a minha subconsciência me queria relembrar de que foi assim que me senti depois de cometer aquele erro e que não o devia voltar a cometer, mas porque estou desejo de fazer de novo a mesma coisa...

Será que as minhas palavras chegaram ao ponto de valerem menos do que o sentido lógico do pensamento? Se assim é... Resta-me esperar que os algoritmos de pensamentos do cérebro de outrem se ponha no lugar... e soltar as lágrimas de saudade (não, não daquele tempo em que me sentia repugnado comigo mesmo, mas saudades dos momentos em que me senti a pessoa mais feliz da terra junto a ele), as lágrimas de desespero, e as lágrimas... Já nem sei do quê...

E pronto, foi um desabafo. Foi para isso que criei este blogue em primeiro lugar...

3 comentário(s):

sad eyes disse...

Enviei-te um e-mail com instruções sobre a votação no Pixel :-)

E é verdade que os blogues servem, entre outras coisas, para partilhar desabafos.

abc

Neymar Junior disse...

Desculpa a pergunta, mas vc é gay?
perguntei isso pq li "Acedam ao blogue do Elijah, o meu namorado ;)" sendo q seu nome é james =s

James disse...

Ah, ora, não levo a pergunta a mal. Mas sim, sou. Não foi erro nenhum, sou gay e comprometido :)

Enviar um comentário

Ah, vais aproveitar para escrever um comentário? :3 Obrigado! Feedback é sempre bem vindo ;)

Cheers =D