terça-feira, 24 de maio de 2011

I'm in a bad mood...

É raro eu estar de mau humor. O teste intermédio de matemática não me correu bem. É a primeira vez em muito tempo que um teste não me corre bem. E qual foi o problema? Distraí-me a gerir o meu tempo, já que não tinha o meu relógio tão amado que me foi dado pelos anos no pulso... Enfim... Mas essa é apenas uma das razões. Depois do teste, a Bia veio ter comigo. Perguntei-lhe como lhe tinha corrido o teste. Ela olhou-me. É estranho quando consigo perceber exatamente o que uma pessoa está a pensar apenas olhando-a nos olhos. Eu trinquei o lábio e suspirei de inquietação. Ela percebeu que eu tinha percebido e começou a chorar. Não lhe correra bem o teste. Mas eu sabia que algo mais estava errado. Detetei que havia outro motivo para ela estar ali comigo e não com o B., o namorado dela. Mas ela também percebeu isso, e informou-me que ela tinha acabado com ele.
- Quê?! - Perguntei. - Porquê?
- Estávamos a discutir, ele mandou-me para o c****o, eu dei-lhe uma chapada e ele bateu-me. E depois acabei com ele.
Eu fiquei estupefacto e mudei rapidamente de assunto, voltando ao teste, animando-a um pouco. Ela começou a queixar-se que já não ia seguir com matemática como queria, depois daquele teste.
- Oh, Bia, não sejas parva! - Argumentei. - Se deixasses de viver a tua vida por cada vez que ela te desse um obstáculo, nunca a viverias! Além disso, isto só te vai fazer forte e tentar ainda mais para o próximo.
Ela acabou por me dar razão. Mas na minha cabeça matutava o que ela me tinha contado sobre o B. Odeio, seriamente, odeio quando as pessoas usam a violência. Mas odeio ainda mais quando a usam em quem não merece! Fiquei enjoado com o tipo, digo desde já. E depois ainda me dizem que eu não tenho muitos motivos para não gostar dele, já que nem o conheço... Conheço-o bem demais, arriscaria dizer.
O dia foi um pouco assim... Quero dizer, continuei a rir com os meus colegas, por dentro, sentia-me desapontado e enraivecido. E de repente, sem saber bem como, senti-me perdido... Algo que já há muito não acontecia. Senti-me perdido. E não gosto de me sentir assim...
Enfim...

Cheers!! :)

2 comentário(s):

Nelson Soares disse...

Não tenho dúvidas de que cedo te reencontrarás... Acredita.


Stay Well

James disse...

x) é... espero que sim, que o consiga fazer um dia. Afinal, todos temos o nosso lugar no mundo... Ou pelo menos é nisso que gosto de acreditar ;)

Cheers =D

Enviar um comentário

Ah, vais aproveitar para escrever um comentário? :3 Obrigado! Feedback é sempre bem vindo ;)

Cheers =D